A pasta é rica em gorduras boas, que são as monoinsaturadas e polinsaturadas. São estas gorduras que permitem baixar o colesterol LDL, que é o mau, e prevenir o risco de doenças cardiovasculares. Esta pasta é muito rica em proteína, hidratos de carbono complexos, vitaminas e antioxidantes. Além disso o amendoim é rico em fibras e isso garante saciedade por um tempo maior. O consumo de 30g de amendoim puro, por exemplo, garante saciedade por até 2 horas.

Mas há uma característica presente em qualquer pasta de amendoim: todas são muito calóricas, logo, se não forem ingeridas na forma certa podem significar um ganho calórico exagerado, que leva a um aumento de peso. Isto acontece porque o amendoim é uma oleaginosa, que tem muita gordura. Mas a pasta de amendoim é um tipo de fonte de gordura boa, e pode ser incluída nas refeições para um aumento da saciedade e com os carboidratos para redução de índice glicêmico. Além disso é fonte de magnésio, um nutriente importante para os músculos, que em deficiência pode gerar o aparecimento de câimbras.

Para praticantes de atividade física, esse alimento também é uma boa fonte nutricional, já que dá mais energia para o treino. O seu consumo com um carboidrato como pão ou a torrada integral com a pasta de amendoim antes do treino, diminui o índice glicêmico da refeição, ou seja, não deixa o carboidrato ser absorvido rapidamente e evita hipoglicemia ao longo do exercício.

INGREDIENTES
Ingredientes:
» 500g de amendoim torrado;
» 3 colheres de óleo de coco;
» Temperos a gosto ou fio de mel.

MODO DE PREPARO
Modo de preparo:
Aquecer ligeiramente o amendoim sem pele no forno. Ralar o amendoim e desfazê-lo completamente até estar reduzido a pasta – pode utilizar um liquidificador ou um processador. Adicionar o óleo de coco, aos poucos. Como opção pode adicionar temperos à gosto, caso o pretendido seja uma pasta salgada. Caso se prefira pasta doce, colocar um fio de mel.

Bjo! Li.

Anúncios